dicas

"O Primeiro Ano do Resto da Minha Vida"


Espero que a demora de meses seja compensada pelas novidades que trago. Também espero que nossos próximos contatos sejam mais frequentes.
Vamos começar pelo “primeiro ano do resto da minha vida”, ou seja, a criação do projeto Coffee Lab. Sempre fui apaixonada e desafiada pela complexidade da torra. Estudei em alguns países ao longo da minha trajetória e torrei grãos nas mais diferentes máquinas que podem imaginar. Após minha última empreitada didática em busca de mais conhecimento e experiência em torra – com o Peter Dupont e o Tim Wendelboe – decidi dar o meu “próximo passo”. Decidi montar um laboratório de torra em que teria os melhores equipamentos, matéria prima e métodos para estudar e pesquisar o potencial do nosso café de qualidade e sua variedade sensorial. Costumo dizer que o caminho do café Especial no Brasil teve um desenvolvimento peculiar: começou com a matéria prima de alta qualidade disponível aqui. Depois “pulou” para o profissional Barista e a importância dos métodos de preparo e interação com bons equipamentos. Agora, sinto que estamos prontos para irmos em busca do que considero uma das etapas mais complexas e sensíveis da cadeia por trás da xícara: a torra. Vejo um movimento generalizado acontecendo nesta direção e o Coffee Lab faz parte dele. Vejam o processo “obras”.

Escolhi o torrador americano Diedrich por razões que terei o prazer de explicar aqui, em futuras conversas, e pessoalmente. Aqui vai uma foto desta linda e preciosa máquina! Fui estudar torra com o Steve Diedrich, inventor desta gracinha e fiquei por vários dias na fábrica aprendendo manutenção e assistência de torradores. Mais uma foto da versão “mecânica de torradores” Raposeiras.

Se alguém ainda acha que máquinas de espresso e de torra são complicadas, tentem colocar um torrador de 500kg e outro de 170kg dentro de uma casa da década de 50, cuja entrada principal tem uma escada e faz uma curva de 90º e a janela maior está a quase 2m do térreo… A imagem não faz jus às quase 12 horas de processo!

Preparamos o novo espaço (mesmo endereço) para receber as pessoas conhecidas e aquelas que iremos conhecer através de xícaras de café ou cappuccino. Sim, vamos abrir nosso espaço para o consumidor e amante das boas xícaras. Como somos um Lab e não uma cafeteria, não há balcão separando o barista do consumidor. O ambiente está todo integrado, pois queremos que o ‘fazer café’ seja interativo e próximo.

Novidade didática 1: nossos cursos de barista vão oferecer estágio em nossa cafeteria escola, no Coffee Lab. Sempre sentimos necessidade de validar o aprendizado do curso com experiência operacional de verdade e agora podemos oferecê-la.

Novidade didática 2: depois de anos de solicitações, condensamos nossos cursos em menos dias. Sempre resisti à idéia de longas horas de aula em função do comprometimento do aprendizado e da absorção de informação que ocasionam. Deste modo, buscamos ajuda de uma psicóloga e uma pedagoga para formamos um programa que não comprometa a qualidade do aprendizado e possa contemplar aqueles que não podem dispor de vários dias de aula. Os resultados têm sido interessantes e têm deixado os alunos e eu mesma, felizes.

Novidade didática 3: incluímos um módulo de “iniciação à torra prática” no curso Senior! Os alunos poderão torrar, eles mesmos, os cafés com que farão Cupping no dia seguinte.
Nossas portas estarão escancaradamente abertas a partir do dia 03 de agosto de 2009! O primeiro dos lindos grãos que o Coffee Lab torrará é da Fazenda Braúna, dos irmãos João e Afonso Mattos. E, queridos leitores deste blog, durante todo o mês de agosto, vamos oferecer café Especial para vocês levarem para casa!

A seguir, cenas dos próximos capítulos:
Vou postar aqui no blog todos os modelos de perfil de torra que desenvolveremos e os resultados sensoriais que vamos ter com eles.
Baristas, atenção! Vocês poderão agendar sessões gratuitas de torra no coffe Lab para entrar mais em contato com esta ciência! Aguardem notícias.
Até a próxima xícara, então!

Newsletter para amantes de café

Nós amamos, fazemos e conversamos café. Em nossa newsletter compartilhamos algumas de nossas experiências e aprendizados. Enviamos apenas uma vez por mês, respeitando sua atenção. Quer receber?

Assine a newsletter do Coffee Lab →

1 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *