dicas

Diário da Torra


Um dia, enquanto esperava meu torador esfriar, fui ao computador atualizar meus sempre atrasados e-mails. Quando desci para ir embora, deparei-me com a imagem abaixo.

Ele iluminava a sala escura com sua própria luz. O som de seu tambor girando me deu a sensação de que estava vivo. Senti uma enorme intimidade com esta máquina da minha vida.
Assim, começo meu diário falando da primeira condição para alguém se tornar um bom Mestre de Torra: intimidade com seu torrador.

Querido Diário
Assuntos como temperatura, chama, fluxo de ar e perfis ou curvas vão fazer parte da minha vida como Mestre Torradora, inevitavelmente, mas tudo começa pela intimidade com o torrador. Sem isto não há torra de qualidade. Agora que me sinto suficientemente íntima do meu, estou desenvolvendo alguns estudos e experiênc
ias que dividirei com você sempre que meus e-mails não estiverem correndo tanto atrás de mim.

Entre uma torra e outra, tirei meus olhos do computador onde anoto meus perfis e me deparei com outra luz…

Tweet me!

Newsletter para amantes de café

Nós amamos, fazemos e conversamos café. Em nossa newsletter compartilhamos algumas de nossas experiências e aprendizados. Enviamos apenas uma vez por mês, respeitando sua atenção. Quer receber?

Assine a newsletter do Coffee Lab →

1 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *